Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 16 de março de 2011

CASA

Dicas e truques para o dia a dia


Quase todas nós um dia já ouvimos alguma dica ou um truque dado por nossas tias e avós para facilitar ou até mesmo resolver pequenos inconvenientes que surgem em nosso dia a dia. Pensando nessas dicas, fomos pesquisar mais acerca do assunto e encontramos algumas soluções práticas e fáceis que podem nos ajudar em situações de emergência, confiram algumas delas:

>> Roupa amarrotada
Para os momentos de emergência que não temos tempo de usar o ferro de passar roupa, experimente usar a técnica do vapor enquanto toma seu banho, para isso feche a janela e a porta do banheiro e pendure a peça de roupa próxima ao box. A umidade e o vapor ajudarão a tirar o amarrotado da roupa, para finalizar e melhorar ainda mais, retire a peça do banheiro e a estique sobre a cama, passando a mão pelo tecido, iniciando pelo centro indo em direção as bordas.

>> Alças compridas demais
Para esse problema a solução temporária chama-se fita crepe, que pode ser usada para muitas finalidades, pois além de ajustar alças compridas ainda pode ajudar a remover bolinhas das roupas, por isso procure ter uma sempre por perto. Para ajustar a alça basta que dobre por dentro o excesso de tecido, prendendo com um pedaço de fita crepe, mas esteja atenta quanto ao tipo do tecido, pois esse truque funciona melhor em tecidos leves.

>> Roupa cheia de bolinha
Para remover as bolinhas em roupas mais grossas como as de lã, por exemplo, use um aparelho de barbear, basta esticar bem a peça e passar a lâmina sobre o tecido, porém tanto o tecido quanto a lâmina devem estar extremamente secas, já para tecidos mais leves e finos como o viscose, por exemplo, use a fita crepe. Basta cortar um pedaço, unir as pontas formando um círculo, deixando o lado com cola para fora e passar por toda a peça, use esse truque para remover pelos e cabelos das roupas também.

>> Zíper emperrado
Nos momentos mais impróprios e geralmente quando estamos com mais pressa o zíper daquela calça jeans favorita emperra, para resolver o problema experimente usar vela ou até mesmo um bastão de giz de cera, esfregando no dentes do zíper no lado interno e externo, puxando-o para cima, caso o zíper emperre na rua, não se desespere, basta usar hidratante ou algum outro produto oleoso.

>> Meia calça desfiada
Bases para unhas não servem somente para protegê-las do esmalte, acredite, um vidro de base incolor pode salvar sua meia calça! Ao perceber que a peça está desfiando, pingue uma pequena gotinha da base em direção ao fio que está desfiando, dessa forma você evita que a peça rasgue, o que seria totalmente deselegante.

>> Roupa tomara que caia
Apesar do nome sugestivo, não é nada agradável usar uma peça que escorrega o tempo todo e não para no lugar. Para solucionar esse problema use fita dupla face, basta colar a fita na borda da roupa para segurar o decote por muito mais tempo, porém um alerta, para esse truque não use hidrante corporal, pois o produto impede que a fita cole no corpo.

Esperamos que as dicas sejam úteis e caso conheçam mais sintam-se a vontade para comentarem em nosso blog, facilitando assim a vida de muitas mulheres.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

RECEITA

Spirantelli (Canelone invertido)


Ingredientes:

300 gr de presunto fatiado
300 gr de mussarela fatiada
3 ninhos de macarrão cabelo de anjo
Azeite a gosto
Orégano a gosto
Queijo ralado parmesão a gosto
1 colher (de sopa) de farinha de trigo
2 colheres (de sopa) de manteiga
Leite
Sal a gosto
Noz moscada a gosto
1 lata de creme de leite

Modo de preparo:

Colocar o macarrão para cozinhar como de costume (não deixar ficar muito mole). Depois de escorrer jogar um pouco de azeite, orégano e queijo ralado, misture bem. Reserve.
Pegar o presunto e sobre ele colocar a fatia da mussarela e um pouquinho do macarrão reservado, faça charutinhos e vá colocando num refratário que pode ir ao forno. Faça isso até acabar os ingredientes. Reserve.
Molho – misturar a manteiga já derretida no fogo brando com farinha, quando estiver bem misturada ir jogando leite aos poucos, acrescentar o sal, o queijo ralado e noz moscada, e por ultimo o creme de leite.
Com o molho pronto, jogar por cima dos charutos.
Cobrir com queijo ralado e levar ao forno por 15 a 20 minutos.

Dica
Se preferir pode jogar por cima do molho branco, um molho vermelho.

GOSPEL

Igreja Assembléia de Deus completa 89 anos no Maranhão




Por Reinaldo Luzzan
rluzzan@gmail.com

A igreja evangélica Assembléia de Deus completou no último dia 15 de janeiro, 89 anos de criação no Maranhão. O início da Assembléia de Deus no Brasil se deve a dois jovens suecos, Gunnar Vingren e Daniel Berg, residentes nos Estados Unidos, que em 1909, foram batizados no Espírito Santo no movimento pentecostal da Rua Azuza. Ao mesmo tempo, em suas orações tiveram a chamada missionária e chegaram ao nosso País, a Belém do Pará, em 19 de novembro de 1910. Esses consagrados homens de Deus, com um pequeno e humilde grupo de crentes, fundaram, em 18 de junho de 1911, a Missão da Fé Apostólica, rebatizada, em 11 de janeiro de 1918, como Assembléia de Deus.
Segundo frisou o pastor José Guimarães Coutinho, presidente da igreja em São Luis, nas primeiras décadas de sua existência no Brasil, as Assembléias de Deus foram impiedosamente discriminadas, alvo de incontáveis hostilidades. Não poucos daqueles irmãos pioneiros foram agredidos, feridos pelo amor de Cristo e até em prisões estiveram. A firmeza de sua fé e os princípios éticos ensinados na igreja, praticados pelos seus líderes e membros, foram, porém, modificando o conceito sobre as Assembléias de Deus, de parte dos que não entendiam as visíveis marcas da presença do Espírito Santo na vida dos crentes.
Atualmente, em todas as unidades da Federação, as Igrejas Evangélicas Assembléia de Deus passaram a ser tratadas com apreço pelas nossas autoridades e, de seu próprio seio, vêm surgindo importantes lideranças. A partir dos pobres e desprezados subúrbios e das zonas rurais, a Igreja, antes integrada quase exclusivamente por pessoas das classes mais humildes, estendeu-se para as áreas nobres das grandes cidades, alcançando, também, as classes mais altas.
Essa ascensão social e essa contribuição, no sentido da conquista da cidadania e da dignificação do ser humano que a conversão a Cristo proporciona, chegou a ser reconhecida inclusive pela escritora Rachel de Queiroz, membro da Academia Brasileira de Letras, que focalizou o avanço dos crentes em artigo publicado pela imprensa, no qual consta o seguinte: "Os jovens que viviam como bichos no dizer dos velhos, sem doutrina, sem ensino, hoje, vivem como gente, se entregam a Jesus, cantam hinos, falam línguas, assumem novo status e os velhos atiram-se sofregamente às novas práticas, como recuperando o tempo perdido. Vale a pena ver a dignidade com que se cumprimentam: 'A paz do Senhor!' Sentem-se membros honrados de uma comunidade, não vivem mais em abandono".
No Maranhão, a Assembléia de Deus chegou em 15 de janeiro de 1922, através do Missionário Clímaco Bueno Aza, completando neste mês, 89 anos de fundação.
Em seu penoso início, a Igreja Assembléia de Deus reunia-se na casa de poucos irmãos, de cujas famílias alguns ainda vivem, vindo a se instalar definitivamente alguns anos depois no local onde funciona até sua sede, hoje na Rua do Passeio, Centro.
A Igreja foi-se estruturando e se organizando à medida que os pontos de pregação foram aumentando.
Contudo, foi com o Pr. Estevão Ângelo de Souza, a partir de dezembro de 1957, que a Assembléia de Deus ganhou impulso. Ao chegar aqui, Pastor Estevão organizou departamentos, fundou congregações, consagrou pastores, exerceu durante 38 anos a presidência da Convenção Estadual das Assembléias de Deus no Maranhão. Fundou e presidiu por 33 anos a Sociedade Filantrópica Evangélica do Maranhão, tendo se empenhado com muito afinco em prol da educação e da assistência social. Durante vários anos fez parte do Diretório Regional da Sociedade Bíblica do Brasil, exercendo o cargo de presidente.
Em março de 1991, deu início aos trabalhos de instalação de uma escola de ensino teológico para a igreja Assembléia de Deus do Maranhão, fundando em São Luís o IBPM – Instituto Bíblico Pentecostal do Maranhão, o qual tornou-se um dos seus grandes sonhos concretizados em vida, juntamente com a emissora de rádio.
Exerceu ainda importantes funções junto à CGADB – Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil e EETAD – Escola de Educação Teológica das Assembléias de Deus, além de ter trabalhado, durante vários anos, como Conselheiro da CPAD – Casa Publicadora das Assembléias de Deus,
Em março de 1988, com o apoio da Assembléia de Deus em São Luís e sob a sua liderança, foi criada a Fundação Cultural Pastor José Romão de Souza, entidade que, em 1990, seria a controladora da Rádio FM Esperança, inaugurada no dia 11 de abril de 1990, como a primeira emissora de rádio genuinamente evangélica do Maranhão, e após 73 anos natalícios e 52 de serviço ao Senhor trabalhando duro para o fortalecimento da igreja, deu-se o seu falecimento em 14 de fevereiro de 1996.
Com certeza, todos saberão reconhecer o seu trabalho ao lado de renomados servos de Deus que, no decorrer desses 89 anos pregaram o Evangelho, fazendo crescer a denominação, sempre preocupados em levar o Evangelho, que liberta da escravidão do pecado, centenas de milhares de pessoas, não somente no Maranhão, mas também em outros países da América, Europa, Asia e África.
Hoje a condução da igreja em São Luis está nas mãos do Pr. José Guimarães Coutinho, que em quinze anos alargou fronteiras e alcançou toda a São Luis e grande parte do Maranhão com o Evangelho.
A Assembléia de Deus acolhe a todas as classes sociais, dá sentido e impulsiona o processo de conversão no qual se valoriza a individualidade.
É oportuno enfatizar que a Igreja fundada no Brasil por Daniel Berg e Gunnar Vingren e no Maranhão por Clímaco Bueno Aza tem, entre os seus milhões de fiéis, muitas centenas, talvez milhares, que foram resgatados da marginalidade pela mensagem poderosa e libertadora do Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Nenhum programa de governo jamais alcançou, nem de longe, tantos desajustados sociais, alcoólatras, dependentes do tabaco, da maconha ou da cocaína. A Assembléia de Deus, que não fica à mercê do Poder Público, sempre trabalhou incansavelmente na recuperação de vidas. Inúmeras obras sociais são mantidas pela própria comunidade Assembleiana.
Registramos, por entender oportuno, o grande trabalho que realiza em nível Estadual o Pastor Pedro Aldí Damasceno, Presidente da Convenção das Assembléias de Deus no Maranhão.

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

ESPORTE

Amaclube confirma início do Estadual para o fim de fevereiro



O início do Campeonato Maranhense de 2011 está confirmado para o dia 27 de fevereiro. A partida de abertura da competição será entre Cordino x Bacabal, na cidade de Barra do Corda, como determina a tabela já divulgada pela Federação Maranhense de Futebol (FMF). Foi essa a decisão tomada pela Associação Maranhense dos Clubes (Amaclube), em reunião realizada na quarta-feira (19).
O encontro foi presidido pelo presidente do Sampaio, Sérgio Frota, e contou com a participação de nove dos 10 times profissionais. Apenas o Imperatriz não mandou representante.
O presidente do Moto, Gildo Morais, tentou de todas as formas adiar o início da competição, sob alegação de que o Papão não tem como montar time para estrear dia 12 de março, sem que sejam viabilizados os recursos financeiros que estão sendo tentados, tanto junto ao poder público como na iniciativa privada. Tentou, mas não conseguiu.
Com a alegação de “manter a credibilidade”, a entidade manteve a abertura do Estadual para 27 de fevereiro. Isso porque a própria Amaclube foi quem solicitou à FMF o início da competição para o final de fevereiro.
Patrocínios
A Amaclube tomou outras medidas, avançando na criação do departamento de marketing. Nesse campo, a ideia é conseguir motos e carros para serem sorteados durante a realização do campeonato com o objetivo de atrair mais torcedores aos estádios. Várias providências foram tomadas também para diminuir despesas na competição.

Nivelando por baixo
No desespero de tentar mostrar que a tragédia do Rio não seria a única no País, a Rede Globo fez grandes matérias, no último domingo, no Fantástico, revelando as áreas de risco de São Paulo e pintando as chuvas em Minas Gerais como uma catástrofe. Mas não conseguiu, claro, mudar os números fatais: cinco mortes em São Paulo e apenas pouco mais de 10 em Minas. Pois é... no Rio, perto de 1000.

Muita emoção, pouco debate
Assim está a cobertura da TV sobre a tragédia do Rio. Choro, cadáveres, salvamentos espetaculares, literatura barata, mas discutir a fundo as causas e soluções definitivas, nada. Principalmente na TV aberta. É por essas e outras que nosso povo acha tudo muito “normal”, “coisa de Deus”, por aí. Pois sim!

Brasileiro não aprende
Uma especialista da ONU, cujo nome infelizmente não anotei, em entrevista dentre as milhares que a TV mostra com especialistas em tragédias, disse que, mesmo sofrendo 37 grandes enchentes em apenas 10 anos, o Brasil não aprendeu a como lidar com o problema. E arrematou: “A única catástrofe natural que ameaça o Brasil são as enchentes. Imaginem se acontecessem terremotos, furacão, neve, tufão...”

O Haiti é mesmo aqui
Corpos apodrecendo dentro de casas em ruínas ou guardados dentro de caminhões refrigerados de pescado, gente acenando desesperadamente para os helicópteros da imprensa, pedindo comida e água, e um senhor confessando que arriscou a vida (e o faria de novo) para salvar um prosaico fogão ou um aparelho de som.

O poder aquisitivo
Arriscar a vida para salvar aparelho de som, TV, fogão ou meia dúzia de peças de roupa é atitude compreensível numa população cuja maioria trabalha anos a fio para comprar esses bizarros produtos. Em países (Austrália, Alemanha, EUA etc.) onde o nível de renda é VERDADEIRAMENTE bom, deixa-se tudo para trás, porque em pouco tempo se recupera tudo. E ponto final!

Ainda sobre o Rio (I)
Quando se tem organização séria e há equipamentos suficientes, pode-se, no espaço de dois ou três dias, salvar uma pessoa em pleno deserto do Saara ou nas planícies geladas do Alasca. Mas, aqui, o que vemos são as patéticas desculpas e agressões a prefeitos por parte do governador do Rio, Sérgio Cabral, que, como já disse em outras oportunidades, sempre parece ter sido pego de surpresa por fatos altamente previsíveis. E aí fica gaguejando na TV. É demais!

Ainda sobre o Rio (II)
Em meio a tanta tragédia no Rio, fica a frase: “Organizar defesa civil em pleno desastre é como montar um corpo de bombeiros durante um incêndio.”

Tempestades...
A CEMAR orienta a nunca se abrigar debaixo de árvores, afastar-se de bicicletas, motos, tratores, carroças e máquinas agrícolas. Deve-se evitar o contato com cercas de arame, grades, tubos metálicos, linhas telefônicas e de energia elétrica e qualquer objeto ou estrutura metálica.

Enquanto
A tempestade não terminar, permaneça dentro de casa. Afaste-se das tomadas e evite usar o telefone. Retire da tomada os equipamentos eletroeletrônicos quando você perceber que a chuva se tornou tempestade com raios. Evite utilizar telefone com fio. Se for sem fio ou aparelho celular, não há riscos; porém, se estiver carregando, não utilize.

Publicidade
Ao contrário dos anos anteriores, o Governo do Estado abriu mais cedo o seu orçamento e, com isso, as coisas começam a andar mais rápido e mais cedo. Nesta semana, por exemplo, o secretário de Comunicação, Sérgio Macedo, assinou os contratos com as agências responsáveis pela publicidade do Governo do Estado.

Fornecedores
Com a abertura do orçamento, serão iniciados também os pagamentos dos fornecedores já empenhados, fazendo com que sejam retomadas as obras em execução em todo o estado.


Cerca 220 mil vagas em concursos serão abertas em todo o país neste ano

Apesar da ameaça do governo de frear contratações, o ano promete ser farto. Os Correios relançarão editais para 10 mil vagas.

É chegada a hora de os candidatos a uma vaga no serviço público retomarem os estudos. Apesar do anúncio de que o governo vai adiar a realização de concursos e nomeações entre 4 e 6 meses para economizar recursos, o ano de 2011 promete ser farto. A previsão é que sejam abertas mais de 220 mil vagas em todo o Brasil, em órgãos federais, estaduais e municipais. Com tempo, os candidatos poderão se dedicar, consolidar conhecimentos e conquistar mais pontos para a aprovação. Para quem tem pressa, hoje, há pelo menos 35 concursos federais e estaduais em andamento que, juntos, oferecem 4.022 postos efetivos para todos os níveis de escolaridade .
Se somadas as chances do cadastro de reserva da Cobra Tecnologia S.A, empresa ligada ao Banco do Brasil, o número de oportunidades sobe para 7.494. Os salários em todos os certames variam de R$ 510 a R$ 16,8 mil. Entre os destaques está o concurso da Petrobras, que oferece 838 vagas de níveis médio, técnico e superior, com salários iniciais entre R$ 2,3 mil e R$ 6,2 mil. Os interessados podem se inscrever entre 10 e 27 de janeiro por meio da página www.cesgranrio.org.br.
Na capital do país, a Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF) oferece 69 postos, além de cadastro reserva, para cargos de níveis médio e superior. Os novos servidores vão ganhar entre R$ 2,5 mil e R$ 4,5 mil. Já a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag/DF) está com dois concursos abertos para preencher, ao todo, 95 vagas e também constituir um cadastro de reserva. Os salários no órgão chegam a R$ 16,8 mil, para auditores tributários.
Senado
No nível federal, o certame mais esperado é o do Senado Federal, que já aprovou a abertura de 180 vagas e deve lançar edital no segundo semestre. Conforme o quadro de remuneração do órgão, somadas as gratificações, os salários iniciais previstos para técnicos, analistas e consultores são bastante atraentes: R$ 13,2 mil, R$ 17,4 mil e R$ 22,6 mil, respectivamente. Ainda neste mês, os Correios lançarão novos editais, desta vez por estado, com10 mil postos, informa o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.

VAGAS NO MARANHÃO
Carutapera
A Prefeitura de Carutapera, cidade localizada a 559 quilômetros de São Luís, na Baixada Ocidental, abriu inscrições concurso público com 231 vagas cargos de nível fundamental, médio e superior. A carga horária varia entre, 25 horas a 40 horas semanais e remuneração, entre R$ 510 a R$ 1.250. A inscrição será efetuada apenas via internet, através do site do Instituto Vicente Nelson, entidade organizadora do certame (www.ivin.com.br), no período de 7 de janeiro de 2011 a 28 de janeiro de 2011. O valor da taxa de inscrição é R$ 35 para os cargos de nível fundamental, R$ 50 para nível médio e R$ 70 para de nível superior. Os locais e os horários de aplicação das provas serão divulgados no site da organizadora. As provas serão realizadas na cidade de Carutapera, no dia 20 de fevereiro de 2011, das 8h às 11h30; e das 14h às 17h30, no horário de São Luís.

Chuva causa alagamento em bairros do Itaqui-Bacanga

Uma das áreas mais atingidas pela água da chuva é o Piancó, às margens da barragem do Bacanga.
A chuva forte que caiu nesta semana, na capital maranhense, provocou alagamento nas áreas do Piancó, Riacho Doce, América do Norte, Jambeiro e Sá Viana, às margens da barragem do Bacanga. Os moradores estão assustados e preocupados com a situação. A rua que atravessa do Piancó para o Jambeiro, localidade do Sá Viana, está completamente inundada.
Uma das áreas mais atingidas pela água das chuvas é o Piancó. Cinquenta casas estão alagadas na localidade. Um morador, identificado como Euclides Fonseca, que teve a sua invadida pela água da chuva, lamentou os prejuízos materiais e exigiu das autoridades para que tomem uma providência, pois a situação na região é de calamidade. Ele disse que perdeu a maioria dos móveis, entre os quais, a geladeira e um guarda-roupa comprado recentemente a R$ 700,00.
- Aqui quando chove é uma tragédia. Precisamos do apoio das autoridades para olharem de perto a situação em que a gente se encontra aqui. Precisam ver para crer - protestou.
Um morador identificado como Reginaldo afirmou que o problema se repete anualmente no Piancó.
- É um sofrimento e nenhuma autoridade se sensibiliza com o problema. Na primeira chuva forte que deu esse ano já nos deixou no prejuízo. Imagine o que ainda vem por aí. É difícil viver dessa maneira. Em um período desse de muita chuva as crianças adoecem e à noite não tem como tirá-las de casa. Vários moradores já se mudaram. A situação é difícil - reclamou.
Para o Chiquinho, também morador da área, a comporta da barragem do Bacanga é a grande responsável pela enchente nas áreas do Piancó, Riacho Doce, América do Norte, Jambeiro e Sá Viana. Durante o temporal, a água chegou a atingir mais de meio metro, cerca de 55 cm.
Problema é constante - No mês de julho do ano passado, cerca de 300 famílias ficaram alagadas após uma falha no manuseio da barragem, na época a Secretária de Infraestrutura (Sinfra) informou que a obra de recuperação da barragem do Itaqui-Bacanga estava orçada em aproximadamente R$ 100 mil. Segundo o órgão, já havia sido finalizada a licitação para a empresa que será responsável pela viabilização de alguns outros reparos para melhor segurança da população da área. Dentre os reparos mais emergenciais estariam: a recuperação de seis comportas, substituição de cabos de aço para levantamento das mesmas, troca das cadernais da comporta, fornecimento de guindastes para içamento da comporta principal e revisão geral nos quadros de comando. O problema é que nada disso foi feito até agora.